Novo Mundo

O consumo colaborativo traz redução de despesas, de recursos naturais e estabelece relações de confiança e de respeito. Permite que pessoas tenham acesso as coisas de que precisam sem acumular material. Possibilita um melhor uso do que temos e limita a quantidade de coisas que compramos, as quais tem impacto nos recursos naturais.

Esta mudança de valor começa quando entendemos que é mais conveniente compartilhar ou trocar do que comprar todo o tempo. E se intensifica quando se percebe que há efeitos positivos, tanto para o meio ambiente quanto financeiro. O uso torna-se mais importante que a posse do bem, sendo considerada uma das principais idéias que podem mudar o mundo para melhor.

Quando o modelo alcança escala, torna-se viável, tanto para o empreendedor quanto para o meio ambiente. Para quem já trabalha ou pratica o consumo consciente, é mais fácil se engajar no modelo colaborativo.Neste tipo de consumo, quando a primeira experiência é boa, há um impacto positivo na confiança no ser humano de forma geral, fazendo com que as pessoas ampliem seu comportamento  de compartilhamento.

Essa mudança altera a forma como nós nos relacionamos com os outros, com a sociedade e como os negócios são feitos. E as empresas têm que passar a pensar a longo prazo.Até em formas de fazer um upgrade nos produtos sem que seja necessário o descarte.

É um mundo novo que levará a uma transição de uma sociedade fortemente industrializada para uma sociedade de serviços.Os varejistas que hoje só pensam em vender bens, vão começar a pensar em alugar, prestar serviços de manutenção e a demanda por mais serviços significa mais empregos e menos uso dos recursos naturais.

(*) Eduardo Pimenta é Biólogo, M.Sc. em Engenharia de Produção, Coordenador De Pesquisa e Extensão da Universidade Veiga de Almeida, pesquisador The International Commission for the Conservation of Atlantic Tunas, consultor estratégico do Projeto Albatroz, Presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica Lagos São João e membro da Academia Cabofriense de Letras.

Compartilhe:
Instagram
0Shares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *