Surpresa na Cultura

Entre tantas surpresas no Governo José Bonifácio, o professor Sandro Henrique foi nomeado secretário adjunto na secretaria de cultura. O professor era o secretário adjunto de Flávio Guimarães, na Educação quando ambos foram exonerados. Sandro Henrique substitui o jornalista e homem de teatro Ravi Arrabal Heluy.

Circulando

O ex-prefeito Marquinhos Mendes (MDB) voltou a circular intensamente pela cidade. Na tarde de quinta no “Suisso”, Marquinhos garantiu que só pensa em candidatura para 2024, isto é, está mesmo é de olho na prefeitura. Portanto, o caminho está aberto, em 2022, para os candidatos a Assembleia Legislativa e a Câmara Federal.

É surpreendente

O ex-prefeito Alair Corrêa, que já teve forte casamento político com Marquinhos Mendes e depois brigou feio, continua dizendo que será candidato a Câmara Federal (muita gente não acredita). Certamente, não quer atrapalhar a reeleição de Sérgio L. Azevedo a Assembleia Legislativa.

O que acontece?

Alair Corrêa que sempre disse se orgulhar de ter sua origem política na esquerda e ter se rebelado contra as famílias tradicionais de Cabo Frio, apoiou Ronaldo César Coelho (riquíssimo empresário do mercado financeiro). Em 2020 apoiou e foi derrotado junto com Sérgio L. Azevedo, bolsonarista de extrema direita. O que está acontecendo com o velho líder cabofriense?

Nina 2

O Nina 2 é a embarcação que faz a travessia Gamboa (Rua dos Biquinis)/Centro até as 18h. Ampliar o horário até um pouco mais de 22 h seria bastante justo. Afinal, é a hora em que fecham as lojas da Rua dos Biquínis e as comerciárias ainda levam um bom tempo arrumando o interior das lojas e são obrigadas a atravessar a ponte sujeitas a assaltos e muitas outras coisas.

E as trabalhadoras?

Está certo que o Nina 2 é uma iniciativa dos empresários, mas a gratuidade acabou, a passagem custa 2 reais. É nessa hora que tem que entrar o poder público municipal. A iniciativa é boa, facilita a chegada e saída dos turistas, aumenta os lucros, diminui o engarrafamento, mas ficam perguntas sem resposta até agora: e as trabalhadoras da Rua dos Biquinis? Continua tudo como antes no Quartel do Abrantes?

Cartão SUS

Leitor atento dessa coluna procurou ontem, sexta-feira, um posto de saúde do município de Cabo Frio para fazer o teste covid e não conseguiu, porque lhe foi exigido o cartão SUS e ele ainda não tinha. Ao chegar em casa encontrou a esposa, que havia acabado de fazer o mesmo teste em outro posto de saúde do município, em um bairro ao lado. Detalhe: a esposa também não tinha o cartão SUS e fez o teste sem qualquer problema.

Compartilhe:
Instagram
0Shares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *