O QUE FAZER?

A dúvida que reina no governo da dupla Adriano Moreno/Antônio Carlos Vieira, o Cati, chega a ser constrangedora para quem chegou ao poder, com críticas pesadas aos antigos prefeitos e a política em geral. Para ter alguma chance nas eleições de outubro Adriano Moreno precisa distribuir benesses das mais variadas: empregos, portarias, contratos etc. Se fizer isso, não consegue pagar a folha em plena pandemia do Covid-19. Pois é …..

DEMOCRATAS FECHA NOMINATA?

Promessas e mais promessas parecem não ter adiantado. A nominata do Democratas, partido da Família Maia, presidido em Cabo Frio pelo “assessor especial”, Antônio Carlos Vieira, conhecido por Cati, não está assegurada. O não cumprimento das promessas feitas aos candidatos e principalmente pela grande rejeição do governo junto a opinião pública afastam lideranças locais do partido do prefeito Adriano Moreno.

PANDEMIA EM TEMPOS SOMBRIOS

O mais assustador e revoltante em tudo isso que estamos vivendo no Brasil e no mundo é que o nosso país foi pego por essa pandemia num momento político sombrio. Estamos sendo governados por um bando de fascistas da extrema direita que por natureza são genocidas e exterminadores da democracia. Foram eleitos porque outro vírus letal se disseminou a partir da eleição de 2014 e acabou contaminando cerca de 58 milhões de brasileiros que apresentaram um quadro de cegueira aguda. Tão aguda que acabaram confundindo a urna com um vaso sanitário e assim defecaram o 17 nela em 2018. O resultado desse voto tem sido desastroso: desmantelamento do SUS , agressões ao meio ambiente, genocídio consentido dos povos indígenas, entrega de nossas riquezas com ameaça à nossa soberania, liberação de armas incentivando a violência, misoginia, homofobia, racismo entre outras mazelas próprias de um governo assumidamente fascista. Agora somos surpreendidos com essa pandemia catastrófica justamente no momento em que o Brasil tem um governo desse naipe de insanidade, incompetência e irresponsabilidade. O atraso de aplicação concreta das medidas de proteção social está se tornando cada vez mais preocupante. Nos EUA, o congresso aprovou ontem e a proteção só chegará aodestino daqui a 3 semanas. Lá eles já estão com o sistema de saúde saturado. Aqui, embora o número de mortes ainda não passou de 50, pode ser maior porque esse número oficial nem sempre corresponde à realidade. O que percebi ontem e hoje é que o governo federal está protelando a definição dessas medidas de propósito. Sim esses caras são capazes disso. Estão segurando o dinheiro público apostando na segurança econômica acima da vida do seu povo. Mais uma postura genocida deste governo. Sei que teremos dias muito difíceis pela frente, mas espero que todo esse sofrimento esteja ensinando a todos nós brasileiros a importância de exigirmos o fortalecimento do SUS e, quiçá, a extinção dos planos e sistemas de saúde privada entre outras mudanças que se tornarão indispensável. Estou me esforçando para ser otimista no meio do caos. Espero também que o povo brasileiro se una numa grande rede de solidariedade para enfrentar esse vírus e o governo irresponsável que a maioria elegeu quehoje tripudia sobre todos nós, inclusive aqueles que deram o seu voto de forma irresponsável jogando o Brasil nesse abismo político que parece não ter fim. O vírus veio para mostrar o quanto estamos em queda livre por causa dessa merda que fizeram nas urnas.

Luiz Américo Figueiredo – Professor.

ENQUANTO ISSO NO PALÁCIO TIRADENTES ….

Rumores no Palácio Tiradentes – 1

Corre aos quatros cantos nos bastidores políticos da cidade, que está em curso uma debandada de pré-candidatos do Democratas. Os candidatos teriam acordado com o secretário de governo, Miguel Alencar e Antônio Carlos Vieira, o Cati, assessor especial do prefeito, vantagens dentro da máquina administrativa da prefeitura. Seria condição para concorrer pela legenda.

Rumores no Palácio Tiradentes – 2

Os candidatos estariam desconfiados dos articuladores do Democratas que estariam protelando o cumprimento dos acordos, tentando “prende-los” até 3 de abril quando encerra o prazo de filiação deixando-os sem chance de sair para outra legenda.