TEMPO DE MUITAS LIÇÕES

Ângela Sampaio de Souza

Que o ano de 2020 foi trágico todos sabemos! Mesmo para quem teve sorte de não adoecer, não perder ninguém próximo e pôde ter o privilégio de estar vivo, esse o maior de todos!

É um privilégio também quem pôde se isolar, ter renda para seu sustento, ter casa e comida na mesa, mas 2020 deixou um estrago em nossa saúde mental.

Precisamos com isso, refletir tudo que estamos passando e curar muitas feridas do corpo, da alma e da sociedade.

Não dá para falar em um “lado bom” de uma pandemia quando o mundo ultrapassa o número de milhões de vidas perdidas mas os fatos ruins que estamos enfrentando não só em 2020, mas na vida, poderemos descobrir que muitas coisas boas estavam perto de nós e não havíamos valorizado.

Se pensarmos no poder de respirar sem máscara, ter liberdade de uma conversa numa roda de amigos, sair sem medo, serve para mudarmos nossa escala de valores.

Quer pior do que estarmos privados de um abraço de um filho, neto, pais, irmãos ou amigo?

E a solidão?

Com isso bate a vontade de mudar: a gente, a vida, o mundo. De repente nos vimos diante de outros caminhos que antes eram fáceis e hoje já não são.

Nossa vida muitas vezes era levada no automático e não percebíamos o que estava acontecendo ao nosso redor, como tristeza, sofrimentos etc

Estão sendo lições duras para nós, mas acredito que lições positivas tiraremos desse período que está sendo de aprendizado para todos nós.

Sei que não estamos sozinhos, existe uma multidão que está passando por isso também.

Teremos que escolher num tempo melhor o que assusta mais e continuar na mesma depois que tudo passar é o que vai assustar mais.

Sairemos dessa cheios de lição de vida, corajosos e sem medo de dar o próximo passo mais saudável e alegre.

Transformemos uma história que já não fará sentido por outra que nos faça feliz.

(*) Ângela Sampaio de Souza é Professora.

Compartilhe:
RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *