O ITAJURU

O Itajuru

Em entrevista, o prefeito eleito de Cabo Frio anunciou a criação de uma moeda local, o Itajuru. José Bonifácio segue o exemplo da prefeitura de Maricá, onde existe o Mumbuca, moeda social que é aceita no comércio da cidade. A moeda visa atender o programa de transferência de renda, no município.

Ampliação de direitos

José Bonifácio estabeleceu a paridade entre homens e mulheres no secretariado ao mesmo tempo em que elevou consideravelmente o número de negros no 1º escalão. O governo terá que desenvolver ampla política de respeito e ampliação dos direitos humanos, sem o qual as representações ficarão apenas no campo da imagem publicitária.

Fiel da balança

Amplos setores conservadores também fazem parte do governo de José Bonifácio. Os dois grupos, progressistas e conservadores, tendem a ter posturas diversas durante todo o mandato. O prefeito José Bonifácio terá que administrar as diferenças e será o fiel da balança: o tempo vai dizer para que lado vai pender a balança.

O “facão Guarany”

O prefeito dará a palavra final, mas certamente vai examinar a produção política e administrativa favorável ao seu governo, na hora de decidir para que lado a balança vai e baixar o “facão guarany” para cortar quem não apresenta resultados. Portanto, não basta o discurso bonito. A projeção político-eleitoral para 2022 e 2024 será de grande importância.

Lição para os eleitores

O prefeito Adriano Moreno (Democratas) deixa a prefeitura com uma lição para os eleitores. A sua campanha foi recheada de seguidos ataques a política e aos políticos, dentro do modelo bolsonarista. Está terminando o mandato com imensa rejeição popular e abraçado ao partido da Família Maia, o Democratas, enquanto Bolsonaro se agarrou ao Centrão.

O fracasso como meta?

Os alairzistas depois de um período de glórias, na época em que jorravam os royalties do petróleo, estão sentindo o fracasso na pele: o tempo de “sheik do petróleo” não volta mais. O último mandato do chefe foi uma tragédia anunciada, seguida pelo apoio a Adriano Moreno e agora com o deputado Sérgio L. Azevedo, na modesta condição de palpiteiro.

O IBASCAF

A transição está acelerada no Ibascaf. O novo presidente, o empresário Bebeto Cardoso e outros membros da diretoria, que vai assumir em 1º de janeiro, conheceram o Ibascaf e o Pasmed. O relatório da atual diretoria deverá ser entregue ao novo grupo e também ao Ministério Público, ao Tribunal de Contas, ao Prefeito, a Câmara e a Procuradoria Geral do Município.

A Comsercaf 1

A sociedade e o meio político de Cabo Frio estão de olho espichado sobre a Comsercaf. Não por acaso! A autarquia deu muita dor de cabeça a prefeitura e ao município: com a palavra a Polícia Federal, que esteve por lá, no governo de Marquinhos Mendes. Os novos dirigentes que assumem dia 1º são o ex-vereador Jefferson Vidal (presidente) e Heitor Fonseca (vice).

A Comsercaf 2

No governo de Marquinhos Mendes aconteceu à prisão do presidente da Comsercaf. Surpreendido, o prefeito nomeou para a autarquia o então presidente do Ibascaf, Luíz Cláudio Gama com a promessa de auditoria, que se aconteceu, nunca veio a público. Luiz Cláudio Gama assume dia 1º de janeiro, no governo de José Bonifácio a Controladoria Geral e de Combate a Corrupção.

Compartilhe:
Instagram
0Shares

Um comentário em “O ITAJURU”

  1. Luiz Cláudio Gama está seguindo em
    vento e polpa , o mesmo destino de muitos na cidade : atuações é bom relacionamentos nos governos independentemente dos governantes do momento . MM ……., Dr. Adriano…
    Perguntar não ofende e nem desmerece : tem cursos ou conhecimentos na área contábil ?
    Controladoria , né ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *