Blog palpiteiro

Muita gente na rua, cafés e nas redes sociais perguntam sobre a formação do secretariado e os “homens fortes” do governo de José Bonifácio, além do próprio, é claro. Bem, depois que o “velho morubixaba” virou palpiteiro o Blog também resolveu dar os seus palpites e por ordem alfabética para não ferir nenhuma vaidade. Eis os “homens fortes”: Aquiles Barreto, Bebeto Cardoso, Janio Mendes, Jefferson Buitrago, Jefferson Vidal e Rafael Peçanha.

Qual o perfil?

Qual o perfil e os interesses desses “homens fortes” e quais serão suas áreas de atuação política? Quantos sobreviverão quatro anos, conservando, ampliando e consolidando os espaços dentro de um município, que vive em crise profunda e que exigirá do governo medidas muito severas?

É pra valer?

O prefeito eleito garantiu que as mulheres serão prestigiadas e ocuparão 50% das vagas do secretariado e que os negros também estarão no governo. Importante saber se serão cargos com real poder de ação ou quase honoríficos para “dourar a pílula” e dar aquela lustrada progressista na imagem do governo.

Miguel Alencar

Há quem garanta que o vereador Miguel Alencar, do Democratas, ficou “quase neutro”, no processo eleitoral, para se reeleger e continuar a ser uma figura política importante no governo de José Bonifácio. Foi reeleito e é muito próximo do coordenador da campanha, Aquiles Barreto, que deve ocupar um espaço político considerável no próximo governo.

É muita especulação!

Muito se especula também sobre quem será o interlocutor do governo com a câmara? Cargo fundamental para o sucesso de qualquer prefeito. É só pensar quem nos quadros políticos do governo tem mais acesso com os medalhões do legislativo. Não é?

A Comsercaf?

Quem presidirá a Comsercaf? A autarquia, até aqui sobreviveu a inúmeros escândalos e denúncias. Afinal, um dos seus dirigentes chegou a ser preso, em ação da Polícia Federal, no governo do prefeito Marquinhos Mendes. A autarquia é fonte de dor de cabeça ou imprescindível para o funcionamento do município?

Qual o destino? 1

O resultado eleitoral deixou muita gente em situação política bastante difícil, a começar pelas figuras da extrema direita: Sérgio L. Azevedo, Rodrigo Gurgel, Capitão Diogo, Dirlei Pereira, Anderson Macleyves, que esperavam o repeteco do tsunami bolsonarista, de 2018, que não aconteceu. Qual o destino? Manterão o discurso de apoio a uma liderança decadente?

Qual o destino? 2

Qual o destino do prefeito Adriano Moreno (Democratas)? Finalmente, vai se separar do seu companheiro político Antônio Carlos Vieira, o Cati? Voltará para a sua profissão de médico ortopedista ou tentará retornar a prefeitura em outra ocasião, deixando o tempo amenizar a rejeição junto à opinião pública?

Entrevista

Boa e oportuna entrevista da Folha dos Lagos com o prefeito eleito José Bonifácio Novellino. Cabo Frio ganha com a nova periodicidade semanal da Folha dos Lagos, um patrimônio da cidade e da Família Cabral: o velho Moacir e Rodrigo.

Compartilhe:
RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *