A ESCOLHA É ENTRE SOBREVIVER E VIVER – Ângela Maria Sampaio de Souza (*)

Estamos numa época e que só ouvimos falar em “pandemia e isolamento social”. Será que esse isolamento social já não existia? Pensando friamente nesse momento temos um isolamento físico. O isolamento social já acontece há muitos anos, quando não eliminamos a exclusão e a desigualdade social.

Enquanto não eliminarmos esses fatores não sairemos desse isolamento. Enquanto não tivermos políticas públicas para esses fatores serem eliminados existirão os chamados “ invisíveis “.

É o mal cristalizado nas estruturas sóciais e econômicas injustas na sua raiz e não poderemos esperar um futuro melhor.

A crise é profunda.

Dimensões éticas como o pessoal e o institucional teriam que passar de um comportamento individualista para um solidário. Isso só poderá ocorrer com mudança de mentalidade, de valores e de cultura.

Transformar o estilo de vida é reconhecer a necessidade de mudar.

As instituições não estão organizadas em função do bem comum e quando isso acontecer chegaremos ao final do isolamento social.

Não será com o fim da pandemia e sim quando não existir exclusão, injustiça social e todos serão VISÍVEIS.

A escolha é entre sobreviver e viver.

(*) Ângela Maria Sampaio de Souza é Professora.

Compartilhe:
RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *