PEQUENAS DOSES

A execução!

A execução que aconteceu na manhã de ontem no centro de Cabo Frio revela bem em que a cidade está se transformando. Violência antes presente na periferia das grandes cidades chegou com tudo por aqui.

Pindaíba

Espera-se que o governo da dupla Adriano Moreno/Antônio Carlos Vieira (Cati) consiga terminar de pagar a folha, hoje, 31. Os servidores agradeceriam aos céus e o comércio, que vive na pindaíba, também.

Sem definição?

O vice-prefeito Felipe Monteiro sempre que perguntado do seu destino partidário desconversa. Diz apenas que é candidato a vereador e que não mais pertence ao grupo de Adriano Moreno.

O retorno do Tenera

O link patrocinado do Tenera, em rede social, deu o que falar na mídia. Nada de sério, porém, na medida em que o falastrão sumiu após denúncias, no Programa do Dirlei Pereira. E se lançou candidato a prefeito. A política está virando uma comédia bufa.

Só mídia!

A candidatura do Tenera se incorpora a uma legião de pequenas figuras da política, que estão mais interessadas no espetáculo midiático, do que em voto, que sabem não possuir. Quais serão os seus verdadeiros objetivos?

Os caciques e as nominatas

Os caciques políticos de Cabo Frio estão se esmerando na preparação das nominatas para a eleição. Cada vez é mais importante a constituição de uma base parlamentar forte e com o mínimo de coerência política e ideológica. Sem uma boa nominata, ninguém se elege.

Degradada & Desfigurada

O estado caótico e degradado em que se encontra a Praça Porto Rocha, a mais importante da cidade, é um desrespeito a história de Cabo Frio. Não se conhece nenhum cidadão que admire a tal reforma que a desfigurou.

Indiferença

A maneira pela qual a prefeitura trata o patrimônio histórico, a cultura e o meio ambiente de Cabo Frio dá bem a dimensão da indiferença com a qual os governos tratam, sob diferentes ângulos, o patrimônio do município.

Fazenda Campos Novos

É bom não esquecer que a sede da Fazenda Campos Novos está literalmente caindo. O prédio é tombado e sofreu sua última reforma no governo de José Bonifácio, entre 1993/1996. Depois disso, nada foi feito para preservá-la.

Dor de cabeça

A mudança do retorno para beneficiar um empreendimento comercial, até hoje, está dando dor de cabeça a determinado político. Não pelo gesto em si, mas porque revelou uma proximidade do qual não se tinha notícia e muito menos comprovação.

Pré-secretários?

Tem candidatos a prefeito que estão nomeando o secretariado por antecipação: segundo os observadores, dá um azar danado, mas os neófitos continuam acreditando. Tem candidato que já “nomeou” ao menos cinco secretários de cultura e até “porta voz”.

Compartilhe:
RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter

Um comentário em “PEQUENAS DOSES”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *