A OPÇÃO CONSERVADORA

Opção conservadora

O grupo que perdeu a hegemonia e posteriormente foi afastado do governo Adriano Moreno/Antônio Carlos Vieira articula uma opção para 2020, mas será mais uma vez conservadora. Afinal, a origem política está nos quadros do “velho morubixaba”, que durante muitos anos deu as cartas na política cabofriense.

Na direita: egos inflados e barracos

Como se imaginava, os grupos de extrema direita cabofriense estão batendo cabeça e brigando entre si. O pessoal é “ótimo” para desenvolver “fake news”, postagens agressivas e insultuosas nas redes sociais, mas quando se trata de servir a sociedade, só vexame. As brigas são de egos inflados pelo natimorto bolsonarismo.

“Fogo amigo”

O “fogo amigo” continua respingando no secretário de governo e vereador Miguel Alencar. Há quem diga que tem gente dentro do próprio governo antecipando o processo eleitoral, que deveria começar, em 2020. A “prova dos nove” será o processo de contratos para a secretaria de educação. Até que ponto vai à influência do secretário.

Primeiro ajeita a saúde

O médico ortopedista, Carlos Ernesto, é secretário de saúde pela segunda vez (a primeira foi com o “interventor” Alair Francisco Corrêa) e tudo leva a crer que novamente será candidato a uma bela e macia poltrona na câmara de vereadores. Antes de qualquer coisa tem que dar uma ajeitada na saúde pública, caso contrário, dificilmente terá qualquer chance.

Compartilhe:
RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *