PROLAGOS, PIVÔ DA BRIGA QUE ENVOLVE OS DEPUTADOS BERNARD, SÉRGIO AZEVEDO E O PREFEITO ADRIANO MORENO.

O deputado Mauro Bernard pediu a substituição da coordenadora geral do Procon, de Cabo Frio.

O deputado Mauro Bernard e a coordenadora geral do Procon, em Cabo Frio, Mônica B. Gonçalves discordaram e bateram de frente publicamente. Pivô da briga, a Prolagos. Segundo reportagem de Rodrigo Branco para a Folha dos Lagos o deputado acusa a coordenadora de “não notificar a empresa sobre a cobrança de taxa mínima com base na lei estadual nº 8.234/2018, que impede a cobrança do consumo de água por estimativa”.

A coordenadora do Procon, no governo de Adriano Moreno é Mônica B. Gonçalves, ligada ao deputado do PSL, Sérgio Azevedo, mas indicada para o cargo pelo prefeito Adriano Moreno. Forma-se aí um enredo político interessante, complexo, difícil de resolver, envolvendo dois deputados e o prefeito.

Como todos estão direta ou indiretamente de olho em 2020 é possível que a chapa esquente ainda mais entre os envolvidos. O deputado Mauro Bernard, conhecido pela pouca paciência, deu o tom da fervura: quer a substituição de Mônica B. Gonçalves.

Compartilhe:
RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *