SOBRE PAPAI NOEL.

É visível para qualquer pessoa, com o mínimo de discernimento, que a população de Cabo Frio não agüenta mais os “salvadores da pátria”, que tem respostas e soluções para tudo e qualquer coisa.

O prefeito e seus seguidores prometeram tanto, que quando da vitória de Adriano Moreno, muitos cabofrienses acreditaram, que, finalmente, estavam chegando ao paraíso na Terra. Erro de percurso, Cabo Frio está ficando cada vez mais semelhante a Paraíso, distrito de Italva.

O imaginário “salvador da pátria” migrou da Rede de Sustentabilidade, organização partidária da ética e respeitável ex-ministra Marina Silva para o Democratas, um dos partidos herdeiros da linha política e ideológica da ditadura.

Bem, é importante não esquecer que antes de buscar o “verniz”, na Rede de Sustentabilidade, o líder da “República do Edifício das Professoras” estava filiado e se elegeu como vereador do PP. A legenda tinha como líder local Alair Corrêa, no plano estadual o longevo Francisco Dornelles e em nível nacional, Paulo Maluf.

Convenhamos que na companhia de todos esses “velhos camaradas” (ou seriam companheiros?) não deveria surpreender a migração do prefeito para o Democratas.

Espantados deveriam ter ficado os progressistas, que cerraram fileiras em torno de um candidato com esse “curriculum vitae”, defendendo a tese de que o mesmo não gostava de política.

E sobre Papai Noel?

E mula sem cabeça?

Compartilhe:
RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter

Um comentário em “SOBRE PAPAI NOEL.”

  1. Pior é , “super -herói “ que vive sobrevoando a cidade e transforma os descasos com a população em causas . Vem logo voando lá da “ Caverna municipal “ q fica na Avenida Assunção . Quem acredita em “super-herói? Heróis só nas revistas em quadrinhos, né ?
    Eu desconfio que esse “ super-herói “ deve ter sido mariposa ou aqueles insetos de luzes , em vida passada : não pode ver as luzes dos holofotes que vem correndo .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *