O GOVERNO TEM 1º MINISTRO

O governo de Adriano Moreno está começando, ou melhor, recomeçando, tentando construir uma unidade, após 10 meses, batendo cabeça.

Após confrontos e sacolejos na área da Educação, o governo tenta se acertar com a reforma administrativa, que, certamente dará novo perfil político para a prefeitura de Adriano Moreno.

É um novo arranjo, completamente diverso do anterior, multifacetado, cheio de contradições, porém mais rico tanto na política, quanto  ideologicamente.

A partir de agora o governo tende a ser monolítico, com a hegemonia do setor mais conservador e afinado com o que o prefeito sempre representou.

Fica claro também que tem um 1º Ministro, reservando-se ao prefeito o papel de um presidente, no regime parlamentarista. Com outras palavras, ou mesmo “papo reto”, quem governa e controla o dia a dia é Antônio Carlos Vieira, que mais uma vez ampliou seu espaço.

Os caciques da câmara, a quem cabe aprovar a reforma administrativa, serão os fiadores dessa nova formatação ou engenharia de governo. Este aval será dado mediante o crescimento da influência dos vereadores nas decisões político-administrativas, mais atentas a realidade eleitoral.

O governo, destrambelhado, gastou grande parte do seu cacife político e resta pouco tempo para acertar. Estamos em junho e 2020, ano de eleição, está quase batendo a porta.

Acerta agora ou não acerta mais.

Compartilhe:
RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *